Trap baiano: Axel Lór exibe seu reinado em novo clipe

O Trap e o Pagode Baiano se unem em novo single e clipe de Axel Lór (BA), “Reinado”, que traz a energia e a diversidade do subúrbio brasileiro. Jovens pegam sol na laje, enquanto o som representa a periferia da capital baiana mostrando que a riqueza está onde nos sentimos livres. Este é o terceiro clipe de Axel Lór, que une artes cênicas e filosofia em seu trabalho musical. A canção já se encontra disponível nos streamings.

“Quis fazer algo que me comunicasse com um público mais pop. Eu sempre escrevi para a periferia, mas dessa vez, quando incluo o pagode baiano no refrão eu torno o estilo mais acessível à minha classe. Na adolescência, eu já curti muito esse gênero que é o carro-chefe quando se trata de música aqui na cidade de Salvador; Quis reviver e colocar minha composição nos moldes desse gênero tão vibrante.”, define Axel Lór.

Além da sonoridade popular, Axel Lór também investe na diversidade no elenco. A ideia é que o ritmo e a dança são a forma de comunicação entre os corpos reais.

“Temos a mulher negra e os rapazes festivos, temos gays e duas meninas transgêneros que deram o toque final ao projeto, como a cereja do bolo. Corpos normais, dança popular e muita alegria, a porta de entrada do povo baiano.”, observa Axel.

Axel Lór - Reinado

Capa do single “Reinado”, de Axel Lór

A primeira parte do clipe “Reinado” foi gravada em uma laje situada no bairro da Gamboa, recanto turístico em Salvador e conhecido por sua vista de frente para a Baía de Todos os Santos. Já a segunda parte do vídeo traz a interação entre Axel Lór e seu alter ego, definido como uma espécie de “Dark Side”. Para a segunda parte, a equipe se reuniu em um teatro vazio em Salvador, onde soltaram luzes e fumaças para atrair o lado sombrio do músico.

A composição da música teve forte influência de Beyoncé e o seu álbum visual  mais recente, Black is King.

“O refrão ‘Eu sou Rei seu p***’ nada mais é do que um corpo negro e periférico protestando por respeito. Exaltando sua ancestralidade de reis e rainhas africanas, trazidos e confundidos para um Brasil Colônia escravista.”, declara Axel.

Axel Lór

Trecho do clipe “Reinado”, de Axel Lór

A música foi escrita durante o inverno baiano, ainda que tenha a cara do verão. Na época, por não se relacionar com o estado de espírito do artista, Axel deixou a canção de lado. Tempos depois, ouvindo as canções que estavam aleatoriamente em sua playlist, quando tocou o refrão, ele começou a dançar e disse:

“Eu tenho que lançar isso! (risos) Tive toda a concepção na hora, festa na laje, banho de mangueira e muita alegria. E comecei a chamar os amigos. (Risos). Mostrei a música quando ainda estava pré-gravada para um amigo e ele disse: ‘ela é o seu divisor de águas’. Isso o tempo dirá (risos)”, finaliza Axel Lór.

A faixa “Reinado” foi composta por Axel Lór, com produção, mixagem e masterização assinada por Faustino Beats, e captação de efeitos por Berott. Já o clipe foi concebido por Axel Lór, com direção de Itan Viana, e produção de Studio Hat. O making of é de responsabilidade de Diney Araújo, enquanto a maquiagem foi criada por Reynaldo Alves. Participaram do clipe os atores Ebert Amorim, Gabriela López, Marina Rodrigues, Nicolas Mateus, Pietra Felipa, Rebeca Cainã, Yuri Alves e Yuri Rodrigues. A capa do single é de Itan Viana.

 

 Siga Axel Lór

Instagram: https://www.instagram.com/realaxellor/

Facebook: https://www.facebook.com/realaxellor

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCXvo4NKwOko8y_5q_EbRg_Q

Quer conhecer mais? Visite a Cabana Da Música. Siga nosso conteúdo no Instagram e no Twitter.

%d blogueiros gostam disto: