SadBoots se inspira na lenda de Robert Johnson em novo single-clipe ‘Hellhound Waltz’

O single antecipa o álbum de estreia da banda, que deve ser lançado neste ano

A história da música é cheia de personagens emblemáticos que têm suas histórias contadas em uma fusão de muito talento, sucesso e caos. Fazendo um recorte dos nomes que mais marcaram a trajetória do blues e do jazz, temos Robert Johnson, um típico bluesman de seu tempo, que viveu pouco, mas deixou seu legado de músico lendário, além de uma série de teorias sobre seu suposto pacto com o diabo. Essa vida misteriosa já inspirou filme, série, livro, história em quadrinhos, e, agora, virou música com a SadBoots.

Johnson nasceu no Mississippi, por volta de 1910, em meio ao trabalho duro de sua família de lavradores. Pobre, negro e sem acesso à escola, sofria com a discriminação racial que era considerada banal pela sociedade da época. Com 16 anos de idade, decidiu abandonar a vida na lavoura para sair em busca da vida que sempre quis ter, como músico. A partir daí, começou a tocar nos bares por onde passava.

As coisas aconteceram relativamente rápido. Segundo relatos, em um dia Johnson era só um menino que queria tocar bem, mas as pessoas sequer gostavam do seu som; até expulso de casas de shows ele era. Em outro dia, ele tocava de um jeito único, como ninguém, então as pessoas começaram a notar que ele tinha algo de peculiar, passando até a desconfiar de onde tinha vindo tanto talento e estilo diferenciado.

Nas letras, o jovem norte-americano narrava encontros íntimos com forças sobrenaturais, que teriam tomado sua alma para lhe dar em troca o prazer de ser o maior nome da música. Uma das lendas urbanas em torno da vida e obra de Robert Johnson diz que, no cruzamento entre duas rodovias localizadas em Clarkdale, uma vila mississippiana, ele, com uma garrafa de whisky e seu violão nos braços, fez um ritual de invocação para propor o pacto entre ele e o demônio.

O negócio foi fechado com um brinde e um violão surpreendentemente afinado. Tempos depois, ainda com 27 anos de idade, Johnson morreu. Sim, por coincidência ou destino, ele é um dos nomes que estão no topo do que chamamos de “Clube dos 27” ou “Maldição dos 27“. A causa de seu falecimento também é uma incógnita, mas o que dizem é que tudo aconteceu após um show, quando um marido ciumento descobriu que sua esposa o traía com o músico, e, assim, decidiu presenteá-lo com uma garrafa de whisky envenenada.

São várias as músicas de Robert Johnson que fazem as teorias sobrenaturais terem ainda mais sentido. ‘Me and The Devil Blues‘, por exemplo, foi uma de suas últimas composições,  e aparenta relatar o momento em que a tal força das trevas retorna para buscar Johnson, dando um fim ao pacto e à vida do artista. Já ‘Hellhound On My Trail‘ parece uma explicação do motivo de seu nomadismo, o estilo de vida de estar sempre se mudando de lugar para fugir dos “cães do inferno” em seu caminho.

Hellhound Waltz’, o novo single da SadBoots, é cheio de referências sobre todas esses episódios de uma das maiores lendas do blues. Produzida por Fábio Mazzeu, a canção é uma mistura de uivos, rock, blues, valsa e percussões brasileiras. A letra é uma viagem em vários sentimentos que devem ter feito parte da curta vida de Robert Johnson, como a euforia em meio ao sucesso na música, a submissão, o arrependimento e o fim da história, dado em um gole agonizante de whisky.

A faixa vem como uma prévia do álbum de estreia da banda, que deve chegar a nós ainda este ano. A criatividade e estética desse lançamento não pararam por aí, já que a SadBoots também se importou com o audiovisual e entregou ao público um clipe tão simbólico quanto a canção, interpretando o contraste entre o caos e a ordem.

SadBoots Hellhound Waltz

Capa do single, inspirada na estética dos discos de blues e música clássica dos anos 30 e 40 | Arte: Lukas Gomez; Fotografia de Maria Vaz

A banda mineira, formada por Lucas Gomes, Lucas Brito, Filipe Sartoreto e Gustavo de Angelis, também aproveitou o momento de ‘Hellhound Waltz‘ para lançar produtos em parceria com artistas e empreendedores de BH. Assim, o single ganhou camiseta exclusiva, produzida pelo artista Thalles, e até edição especial da Cervejaria Incógnita, com a arte do rótulo assinada por Keko Animal.

Assista ao clipe de ‘Hellhound Waltz‘, da SadBoots

EP de estreia ‘Shoeshine‘, lançado em 2020

Acompanhe a SadBoots nas redes sociais: Instagram | Facebook | YouTube | Bandcamp | Twitter | TikTok

Quer conhecer mais? Visite a Cabana Da Música. Siga nosso conteúdo no Instagram e no Twitter.

%d blogueiros gostam disto: