Funk, latina e tropical: Mappia exala energia em EP de estreia: Água pra gringa

Mini-álbum é prato cheio para quem gosta de Rosalía e Bad Bunny

Tropical, intenso e principalmente latino. Este é o espírito do EP Água pra gringa, de Mappia. Um projeto que transcende o pop, com nuances de reggaeton, rap e funk, evidenciando a musicalidade do Brasil e da América Latina como um todo ao decorrer de quatro faixas: Perde a linha, Nem são 3 ainda, Fala Fala e Velocidad.

Ouça o EP Água pra Gringa via Spotify 

Para transmitir toda essa energia, Mappia trabalhou com o DJ e produtor kLap no estúdio BC Music, em Brasília (DF). Na oportunidade, a cantora se inspirou em nomes como Rosalía, Karol G, Bad Bunny, Anitta, Daddy Yankee, Maluma, entre outros.

Essa é a primeira vez que a artista compila o seu trabalho em um mini-álbum. Também vale frisar que o EP Água pra gringa ainda conta com a participação especial do cantor e compositor Bwayne na faixa Perde a linha.

Natural de Taguatinga (DF), Mappia conta que sua sonoridade ideal foi fortalecida após viajar para o Rio de Janeiro com o produtor musical KLap e com Juliah, co-compositora e responsável pela produção vocal das quatro canções do setlist.

“Tive uma experiência intensa, com festas e rolês pelo Rio. Eu voltei encantada e certa que eu queria transmitir aquela energia positiva somada ao sentimento de ser brasileira e latina. Ou seja, o EP foi pensado e moldado para valorizar os nossos ritmos do Brasil e de toda a América Latina, trazendo bastante energia e tropicalidade”, frisou. O EP Água pra gringa é lançado através do selo Dreamscape via Shake Music.

%d blogueiros gostam disto: