Caramelows revela primeira parte do álbum “ViraLata”

O caldeirão sonoro dos Caramelows está de volta, anunciando o lançamento de seu primeiro álbum, “Viralata”. O disco sucederá os EPs do grupo e marcará a estreia solo do grupo, cuja discografia ao lado da cantora Liniker já inclui dois álbuns. Um álbum com seis faixas antecede esse novo repertório, já disponível para streaming.

Ouça “ViraLata, Pt. 1”: 

Fruto da estrada, esse filho mambembe foi gestado parte nos palcos pelo mundo, com uma parte sendo realizada virtualmente no momento em que os músicos estavam isolados. Mas “Viralata” ganhou corpo após a reabertura do mundo analógico, quando as conexões com os vários parceiros que compõem esse disco passaram a integrar a obra. André Abujamra, Deep Leaks, Estela Paixão, Jota Pê, Joyce Alane, LUIZGA e Renata Éssis são alguns dos nomes que integram o álbum.

Um dos destaques é a inédita “Concha”, parceria com a pernambucana Joyce Alane, música que inicia em um groove soul bem lento, com uma melodia que lembra as raízes da cantora e se desenvolve em um rock classudo. O primeiro single, “Fuja, Melow!”, eles co-produziram com Deep Leaks; e, em “20 Centavos”, com  Dré Guines. Completam o álbum as faixas “Criatura”, a já citada “Concha”, “Pindorama” e “Vita D” – esta última, com a participação de André Abujamra. 

Neste novo formato, a banda de world music do interior de São Paulo mistura música instrumental, assim como outra faceta recheada de canções, algumas mais soul, outras experimentais. O álbum é dividido em duas partes, tendo como grande fio condutor as conexões periféricas, no sentido de colocar mais um tijolo nessa grande espiral histórica antropofágica que constitui a cultura latinoamericana. A segunda parte, completando esse ciclo, será lançada em novembro. O símbolo dessa busca é o vira-lata caramelo, que faz parte da rotina brasileira como um símbolo ao mesmo tempo do marginal e do carismático.

Os Caramelows têm em sua discografia o EP “Cru” (2015) e os discos “Remonta” (2016) e “Goela Abaixo” (2019) como Liniker e os Caramelows – este último, indicado ao Grammy Latino – além dos singles “Siente El Calor”, com a espanhola Indee; “Pote de Cores”, com a moçambicana Selma Uamusse; “Sozinho”, com o baiano Edoux;  e 2 EPs como Caramelows.

O grupo conta com Péricles Zuanon (bateria), Eder Araújo (sax e flauta), Marja Lenski (percussão), Fernando “TRZ” Falcoski (teclas), Rafael Barone (baixo) e Wiliam Zaharanszki (guitarra). A produção musical é do próprio Rafael Barone, com todos os demais Caramelows assinando como co-produtores.

A primeira parte de “Viralata” já está disponível para streaming via Dorsal Musik.

Faixas:

Fuja, Melow! part. Deep Leaks

Criatura

Concha part. Joyce Alane

Pindorama part. LUIZGA e Estela Paixão

20 Centavos

Vita D part. André Abujamra

Ficha técnica

Caramelows são:

Éder Araújo: sax e flauta

Fernando TRZ: teclados

Marja Lenski: percussão

Péricles Zuanon: bateria

Rafael Barone: baixo

William Zaharanszki: guitarra

Produção musical: Rafael Barone 

Produção musical compartilhada: Fuja, Melow! (Deep Leaks), 20 Centavos (Dré Guines)

Co Produção musical: Éder Araújo, Fernando TRZ, Marja Lenski, Pericles Zuanon, William Zaharanszki 

Arranjos de sopro: Eder Araujo

Mixagem: Rafaela Prestes

Masterização: Fernando Sanches / El Rocha

Douglas Antunes – trombone

Rinaldo Santos – trompete e flugel

Danilo Moura – percussões em Criatura e Pindorama

Estela Paixão – vocais em 20 centavos

 

Gravadas na Casa do Seo Peri em Araraquara/SP com engenharia de Dre Guines | GOMAinc.

Sopros gravados no Estúdio C4 em São Paulo/SP com engenharia de Luis Lopes

Quer conhecer mais? Visite a Cabana Da Música. Siga nosso conteúdo no Instagram e no Twitter.

%d blogueiros gostam disto: