Violão e acordeon em canção romântica de Andréia Zanella

A delicadeza da voz de Andréia Zanella se funde com os agudos do acordeon em seu novo single, “Direção”, que encerra a trilogia de lançamentos iniciada em setembro, com a canção “Feito Nó”, sucedida por “Amor Compartilhado”. Com influência da MPB delicada de Ana Cañas e Marcelo Jeneci, a música fala de um amor romântico que nos faz esquecer de compromissos, enquanto nos mostra o que realmente importa na vida.

“O single celebra o amor através de um arranjo delicado e leve, com acordeon, violão e efeitos percussivos. A letra é romântica e remete a momentos de felicidade, criando uma atmosfera que transmite calma, paz e tranquilidade. A terceira música da trilogia chega para somar à nova estética da MPB, que valoriza a voz, a interpretação, os detalhes e as nuances poéticas.”, define Andréia Zanella.

Cada música é um presente da cantora, um gesto de afeto para aqueles que, como ela, são apaixonados pela música. O projeto da trilogia de lançamentos foi pensado para mostrar a versatilidade de Andréia Zanella, que em “Feito Nó”, cantou uma mistura de marchinha e baião; enquanto em “Amor Compartilhado”, se jogou no samba; por fim, em “Direção”, a vez é da profundidade melódica encontrada nos encontros com o acordeon.

A trilogia do amor de Andréia Zanella trouxe, a cada mês, um lançamento musical inspirado esteticamente em uma cor: em setembro, “Feito Nó”, trouxe tons de azul; em outubro “Amor Compartilhado”, destacou o amarelo; e agora, finaliza-se com “Direção”, com o vermelho. Após esta sequência de lançamentos, que buscaram consolidar a persona artística da cantora, os próximos passos são uma série de shows e apresentações em espaços culturais de São Paulo e região. O show intitulado “Amor, presente!” tem previsão de estreia para o início de 2023.

Conheça Andréia Zanella

Formada em Música pela UDESC (Universidade do Estado de Santa Catarina), Andréia Zanella hoje é radicada em São Paulo, onde foi estudar o canto popular. Assim, realizou a Especialização em Canto Popular, na EMESP (Escola de Música do Estado de São Paulo – Tom Jobim), onde teve a oportunidade de estudar com profissionais como Andrea dos Guimarães e Zé Luiz Mazziotti. Por lá, também fez parte do grupo Camerata Caipira, e se apresentou no Theatro São Pedro e no SESC Guarulhos. Atualmente, tem como preparadora vocal Bruna Caram, cantora e atriz.

Suas referências musicais para o projeto solo vão de ritmos populares brasileiros, como o baião, o samba e o frevo, até a MPB de Djavan, Gilberto Gil, Leila Pinheiro, Caetano Veloso, entre outros.

A gravação do single “Direção” foi realizada no Juá Estúdio (SP), também responsável pela mixagem e masterização. Com interpretação de Andréia Zanella, a música é uma composição de Beatriz Schmidt, que também atuou na percussão e violão. Também participou da faixa Dicinho Areias, no acordeon. A preparação vocal foi de Bruna Caram (via Cor e Voz). A assessoria de produção executiva é de Luanda Wilk, com fotos de divulgação de Letícia Andrade.

Acompanhe a Andréia Zanella

Instagram: https://www.instagram.com/andreiatzanella/

Linktree: https://linktr.ee/andreiazanella

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCAviIVdcUtmV9zcdFh7BAtQ

Quer conhecer mais? Visite a Cabana Da Música. Siga nosso conteúdo no Instagram e no Twitter.

%d blogueiros gostam disto: